quinta-feira, outubro 09, 2008

Repetentes Insaciáveis

No outro dia passei numa montra de quiosque que continha vários títulos de conteúdo e cariz pornográfico. Aliás as suas capas eram bem sugestivas e não davam grande margem para dúvidas.

De entre os vários registos presentes havia um que não só saltava à vista pela sua exuberância, como era também apelativo para o comprador, visto tratar-se de uma colecção. "Colegiais Rebeldes" de seu nome.

Ora todos nós já vimos este estilo de fetiche/cliché na indústria porno. Desde colegiais a enfermeiras, passando por professoras, agentes de segurança, etc... é uma velha fórmula que consegue sempre resultados positivos junto do consumidor.

Mas voltando um pouco atrás... tendo-me focado na saga das colegiais pude verificar que a colecção era extensa (cerca de 12 títulos: "Colegiais Rebeldes I, II, III, IV,....., XII"). Deixei a curiosidade ir mais além e li alguns daqueles resumos que aparecem na capa. Basicamente a receita do sucesso era quase sempre a mesma: "elas estão de volta para mais um ano escaldante", "novo ano mas muito mais acção", "os anos passam mas a fome fica", e por aí fora....

E a minha questão é? Mas aquelas gajas não estudam?!? Porra estão no colégio há uma carrada de anos e não há maneira de evoluirem? Já nem digo para a Universidade, mas ao menos para um curso tecno-profissional que lhes desse uma equivalência... assim podiam diversificar nos títulos: "Agente de Higiene e Segurança no Trabalho Gulosa III", "As fantasias de uma Técnica Agro-Pecuária VIII". Imaginem o brilhantismo de uma descrição como esta: "Conheça as taras e manias de uma aluna do Curso Técnico de Conservação e Restauro".

Já para não falar no assumir das falhas do sistema educativo que permite que haja alunas num colégio durante 12 anos que não fazem outra coisa senão cobrir com colegas, professores, empregados, pais, etc... (quer dizer se calhar passa um pouco por aí). Não há prescrições naquela escola?

4 comentários:

Liliana disse...

Também não era preciso um post para justificar a tua espreitadela em revistas pornográficas na via pública ;)

Gostei.

Anónimo disse...

Mas repara que não à colegiais masculinos, só á bombeiro, policiais, aspiradores de piscinas etc!
Também era fixe ver putos com acne juvenil a comer mulheres que trabalham nas finanças!

o_salafrario

Miguel disse...

E quando programas de televisão sobre a natureza têm nomes como "Zonas húmidas selvagens", não poderia muito bem ser um nome de filme porno?

DaMaSCo disse...

Há tanta...
Meu dEUS, há tanto sítio por onde pegar.

Vamos aos dois principais:
1- "Deixei a curiosidade ir mais além e li alguns daqueles resumos que aparecem na capa."
Ya, deixa-te lá de tretas e diz o que é que compraste ao Sr. Manel.

2- Quem é que o cavalheiro pensa que é, para estar a recriminar jovens moçoilas que, por acaso, acabam por distrair-se dos seus estudos e darem-se a práticas mais... perdoem-me a piada fácil mas, darem-se a práticas mais "práticas" e menos teóricas?!
A não ser que... será esta a justificação na demora do tirar do curso superior?!
Será que nos primeiros anos o nosso tímido e recatado amigo andava por aí de saia de pregas, chupa-chupa na boca, uns totós e uns joelhos estranhamente esfolados?!!?
(Acho que acabei de matar a minha libido, com esta imagem.)

É que, em boa verdade, isto explicaria muita coisa!


Puto, fazes um post sobre porno... querias o quê?!