quarta-feira, abril 20, 2005

Estado de Graça

Epá eu até nem sou católico nem nada e até compreendo que o Papa João Paulo II foi um tipo muito marcante nás últimas décadas para os fiés seguidores da Igreja Católica.

O que eu acho que está mal é que o novo Papa ainda hoje foi eleito e nem direito a um "estado de graça" teve. Então não é que assim que foi apresentado, toda a multidão lhe começou a acenar com lenços brancos?!? Está mal!!

NOTA: Deixo aqui uma pequena sugestão: a Igreja Católica pode ser uma instituição dogmática e um tanto conservadora, mas tem de rever o sistema de apresentações dos Papas à multidão. É que qualquer apresentação de um jogador brasileiro para uma equipa da SuperLiga tem mais dinâmica e entusiasmo. Ao menos uma beatificação logo a abrir para mostrar serviço!

2 comentários:

Banky disse...

"O Benedict XVI é um jogador de equipa. Tem como pontos fortes a caridade e missas ao Domingo mas o Benedict XVI ainda tem que treinar muito a beatificação nos treinos. O Benedict XVI veio para este time para ser campeão e se mostrar para tentar ser seleccionado para a canarinha porque toda a gente sabe que ao ser Papa é mais fácil entrar na selecção."

PS - Imaginar este texto com sotaque brasileiro, claro!

João Leitão disse...

Exacto!Está na hora de o papa ser apresentado com um boné da deBorla na cabeça tendo placares publicitários de 2,15m atrás dele e fazendo sinal de "fixe" para as câmeras!